← Voltar

IMPRENSA

Reforma da Previdência e pleitos da Magistratura pautam entrevista concedida pelo presidente da ASMEGO; leia


Facebook Twitter Imprimir

Compartilhar no Telegram

“O mesmo governo que fala estar ‘combatendo um privilégio’ — e dessa forma jogando a população contra os deputados que vão votar a reforma — se esquece de dizer que o servidor público paga 14,25% de contribuição ao mês e continuará a pagar mesmo depois de aposentado.”  Foi o que afirmou, sobre a Reforma da Previdência, o presidente da ASMEGO, juiz Wilton Müller Salomão, em entrevista publicada na edição desta semana do Jornal Opção. A falta de recomposição nos subsídios, congelados há seis anos, a  sobrecarga de trabalho enfrentada pelos magistrados, bem como questões como segurança nos fóruns, esclarecimento sobre teto constitucional e verbas indenizatórias também foram abordados pelo magistrado.

[Leia aqui a íntegra da entrevista.]

A entrevista foi concedida pelo presidente Wilton Müller, no último dia 31, na sede do Jornal Opção, trás um panorama dos tópicos mencionados, além de tratar de assuntos atuais como o sistema prisional, o porte de armas para magistrados e cidadãos, em geral, Justiça Eleitoral, entre outros. Confira. 

Leia também:

“O total da dívida de empresas com a Previdência é de mais de R$ 400 bilhões”, alerta o presidente da ASMEGO ao jornal Diário da Manhã

Fonte: Assessoria de Comunicação da ASMEGO | Mediato Multiagência, com informações do Jornal Opção. Foto:  Fernando Leite/Jornal Opção


Assuntos Relacionados: , , ,